IPVA para carros vai ficar 7% mais barato em São Paulo

Publicado em: 18/11/2010

Segundo a Secretaria da Fazenda de São Paulo, o IPVA para carros no ano que vem vai ficar 7% mais barato que em 2010. Para motos, a redução será de 9,1%. Como esse valor é calculado sobre o preço dos modelos no mercado, a queda - que à primeira vista beneficia o bolso do consumidor - também denuncia que o patrimônio em questão está valendo menos.

A partir de amanhã, os contribuintes paulistas vão poder acessar a tabela para cálculo do IPVA, disponível no site da Secretaria da Fazenda de São Paulo. Os valores levam em conta os preços médios dos veículos vendidos no mês de setembro, levantados pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (FIPE).

Quem pagar o imposto à vista em janeiro, data do primeiro vencimento, ganhará um desconto de 3%. Em fevereiro, já não há qualquer abatimento para o pagamento integral. Outra opção é parcelar a conta nos três primeiros meses do ano.

Veículos com mais de 20 anos de fabricação estão isentos do tributo. Picapes duplas e carros movidos a gasolina ou biocombustível recolhem 4% sobre o valor venal. O percentual é de 3% para automóveis a álcool ou gás e de 2% para motos.

Buscando poupar ainda mais, 314.194 usuários cadastrados no programa Nota Fiscal Paulista destinaram mais de 57 milhões de reais para diminuir o valor do imposto. O prazo para a utilização dos créditos terminou no dia 31 de outubro.

Quem optou pela alternativa, terá o desconto registrado no Aviso de Vencimento do IPVA 2011, que será enviado pelo governo no final do ano. O contribuinte que perdeu a data limite poderá transferir os recursos disponíveis para conta corrente ou poupança, enviá-los para outra pessoa física ou jurídica e até doá-los para entidades de assistência social.

 


Veja mais notícias